Truques para poupar na conta da Luz.

Prepare o bolso porque o inverno chegou. Será uma estação de escolhas. São muitas as famílias que têm que escolher entre ter a casa quente e ver a factura do gás e da electricidade a subir ou ter que andar mais agasalhado em casa para poupar muitos euros na factura do mês.

Os aparelhos que trazem conforto extra nos dias de frio também são os que mais costumam pesar na conta de luz no final do mês, como aquecedor, ar-condicionado. Ao comprar equipamentos novos, procure os que tem os selos de segurança para garantir a máxima qualidade e eficiência eléctrica 

Aproveitar a luz e o calor natural: abras as cortinas e estores

 

Usar os recursos naturais pode ser uma boa forma de economia. Abra os estores e cortinas para iluminar e aquecer os ambientes. A luz do dia ajuda a moderar o uso da iluminação artificial e ainda aquece a casa.  As janelas são uma das fontes de saída de ar quente, mas não deve ser por isso que deve deixar de as abrir.

Isolar o calor

 

Para a dica anterior funcionar, é importante que o calor de dentro da casa esteja isolado, ou seja, não podem existir fugas de calor por onde o frio e o vento entrem. Uma dica essencial para poupar no inverno é calafetar os encaixes da janela com fitas de espuma, por exemplo.

De que vale ter muitos aquecedores, sistemas de aquecimento de grande qualidade, se houver locais por onde esse calor foge?

Tente detectar possíveis correntes de ar por baixo de portas ou em janelas e procure protecções e soluções de isolamento. Descobrir esses pontos de melhoria antes de ligar o seu aquecedor e leva a muitas poupanças de energia e de dinheiro.

Existem actualmente no mercado empresas que fazem o serviço de localização das fugas de calor e podem ajudar a resolver o problema.

Quando as suas janelas não são de vidro duplo, uma maneira de reter o calor é usando cortinas.

Economia na iluminação

 

 

Estima-se que a iluminação seja responsável por cerca de 10% da factura de energia. Esta situação deve-se, em grande parte, à utilização de lâmpadas incandescentes. Troque as lâmpadas incandescentes e fluorescentes por lâmpadas de LED. Elas são mais caras na hora da compra, mas acabam por ser mais vantajoso e económico ao longo da sua vida utilização.

Use e abuse das plantas

 

Em espaços ao ar livre, como varandas e terraços, uma opção passa por utilizar a natureza a favor da economia. As árvores e arbustos altos, além de trazerem harmonia, ajudam a bloquear os ventos frios e tem ainda o bónus de providenciar boas sombras no calor do verão.

É importante, porém, que essa vegetação não impeça a luz natural, para que a dica do uso da luz natural resulte.

Usar o aquecedor de forma sábia

 

Os aquecedores são um dos grandes culpados pelo aumento das facturas de electricidade durante os meses mais frios, e muito por culpa de não se saber como os utilizar melhor para que a casa fique aquecida por menos dinheiro!

Pode ser contraditório dizer que, para poupar no inverno, é ideal que todos os aparelhos de aquecimento funcionem na casa toda, mesmo nas divisões pouco ou não utilizadas. Mas, com um pouco de atenção, nota-se que a atitude pode ajudar a economizar. Se todos os ambientes estiverem quentes de forma homogénea, os aquecedores não precisarão trabalhar para compensar as diferenças de temperatura entre a sala e o quarto, por exemplo.

Deixe que eles façam o trabalho por um período de tempo e depois desligue-os. Com tudo aquecido por igual, a casa ficará aconchegante por mais tempo. É aconselhado aquecer essas divisões a temperaturas que rondem os 15°C e os 17°C, isto para que se evite as grandes diferenças de temperatura na casa.

Coloque os aquecedores junto às janelas. Assim vai criar uma cortina de ar quente que atenua a exposição ao frio exterior.

Baixar a temperatura da água quente

Se o aquecedor for eléctrico, baixar em alguns graus a temperatura da água no aparelho pode ajudar a começar a economia. E não precisa de se preocupar: baixar em apenas alguns graus não vai deixar o banho frio e é o suficiente para ajudar a poupar, provavelmente nem vai notar.

Diminua o tempo do banho: chega de banhos de 15 minutos ou mais. Tente diminuir o período para no máximo 10 minutos por membro da família.

Agasalhar a casa

Nos dias mais frios, a nossa casa, tal como nós, fica mais quentinha se estiver bem agasalhada.

Pode parecer engraçado, mas uma casa quente e aconchegante diminui a necessidade do uso de aquecedores eléctricos. Invista em cortinados mais grossos, que deixem a luz passar, tapetes, edredões, mantas, carpetes, toalhas de mesa, mantas no safa são elementos fundamentais para um inverno bem, quentinho.

Uma casa preenchida com certeza ajudará a poupar no inverno.

Apostar por instalar tomadas inteligentes

Com as aplicações móveis hoje em dia podemos controlar toda a instalação eléctrica de casa desde o iPhone, Ipad ou Apple Watch.

Pode encontrar uma extensa gama de tomadas inteligentes que permitem que os nossos lares sejam mais eficientes. Não servem apenas desligar o aquecimento central, ou analisar que electrodoméstico consome mais, como são também podem  manter a tua casa a salvo de roubos.

Muitos utilizadores deste tipo de tomadas inteligentes utilizam-nos também durante as férias para acender e apagar as luzes, simulando assim a presença em casa para manter os ladrões afastados.

Poupar energia leva a grandes poupanças de dinheiro.

Fontes:

www.e-konomista.pt
www.poupaeganha.pt
www.dinheirovivo.pt/